Governo de PE anuncia investimento de R$ 3,7 milhões no Aeroporto de ST

Do Âncora do Sertão

Aeroporto-de-Serra-Talhada

Nesta sexta-feira (15) o governo de Pernambuco, através da secretária de transportes de Sebastião Oliveira assinou a autorização de abertura do processo licitatório para ampliação da pista de pouso e decolagem, além da área dos taxistas do Aeroporto Santa Magalhães, em Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco.

O investimento será de R$ 3,7 milhões para aumento do PCN (Número de classificação de pavimento) da pista de pouso e decolagem, pista de táxi e do pátio de aeronaves. Com essa ampliação o aeroporto da capital do xaxado vai estar apto ao pouso e decolagem de aeronaves modelo – ATR/72 – dará mais segurança à operação aeronáutica, possibilitando o começo de voo regular.

Agora falta apenas a retira do lixo da PE-390 e o restante dos tramites que possibilitam a captação de recursos para o projeto de infraestrutura do Aeroporto Regional do Sertão. Nessa área o prefeito Luciano Duque (PT) vem dialogando com a Secretaria de Ação Civil (SAC) do Governo Federal.

AEROPORTO REGIONAL

A construção do aeroporto no município se insere no programa de aviação regional, que vai construir ou reformar 270 aeroportos nos interiores do Brasil. São R$ 7,4 bilhões destinados ao programa para obras, que vêm do Fundo Nacional da Aviação Civil (FNAC), formado por receitas da aviação e destinado exclusivamente ao setor.

O objetivo do programa é deixar os 40 milhões de brasileiros, que hoje moram longe de qualquer aeroporto, a pelo menos 100 quilômetros de um terminal aéreo. Como segundo município mais estratégico do Sertão pernambucano, Serra Talhada integra a Rota do Cangaço e é conhecida como polo médico e educacional da região. Além disso, o seu novo aeroporto deve impulsionar a expansão comercial e facilitar o trânsito de pessoas numa área para a qual convergem cerca de 800 mil habitantes.

VEJA TAMBÉM